Bahia: No bocão, Deputado dispara contra prefeito de Poções: é um ignorante mal-amado

Foto: Bocão News
Foto: Bocão News

O ambientalista e deputado estadual Marcell Moraes (PV) reagiu ao episódio em que o prefeito de Poções, no sudoeste baiano, Otto Magalhães (PCdoB), aparece ordenando derrubada de árvores na praça principal da cidade para fazer uma obra da prefeitura. Ele ignorou o protesto de ambientalistas que pediam a preservação e mandou os manifestantes tomarem no c*. Em conversa com o Bocão News, Moraes repudiou o gesto do chefe do Executivo de Poções. “A questão ambiental está na pauta do dia de todos os brasileiros. É um prefeito ignorante e entrararemos com uma ação no Ministério Público. É um desrespeito às pessoas que um dia depositaram nas urnas o voto nesse cidadão infeliz e pode ter certeza que ele vai pagar muito caro nas urnas”, afirmou o verdista. “A população não aceita esse tipo de posicionamento arcaico, ridículo, de um gestor público. É uma falta de respeito não apenas ao partido dele, o PCdoB, como à toda população da cidade dele, a todos os baianos e envergonha o governo do estado, do qual ele faz parte. Ele falta com o respeito não somente ao meio ambiente, mas também à diversidade. Quando usa a palavra viado, ele está sendo também homofóbico e vamos levar à Justiça. Esse infeliz, ignorante, mal-amado, um prefeito que deve pagar caro por esse ato contra o meio ambiente e contra diversidade sexual”, lembrou o deputado. Informações do Bocão News

BANNER-ANUNCIE

Bom Jesus da Serra: Prefeito Welton Andrade cobra mais uma vez o restabelecimento do sinal da OI no município

Foto: Bom Jesus Destak
Foto: Bom Jesus Destak

Nesta quarta-feira (08) o prefeito  municipal Welton Andrade juntamente com o vereador Alain mais uma vez esteve da sede da operadora Oi em Salvador – BA o mesmo entregou mais um ofício na sede . O prefeito Welton solicita com máxima de urgência um posicionamento definitivo da operadora no sentido de prestar esclarecimento á população de Bom jesus da Serra sobre a data prevista para resolver os problemas ocasionados com a queda da torre de transmissão do sinal de telefonia móvel da Oi ocorrido em novembro de 2015, fato que este, que provocou a perda total do sinal da operadora no município.  (mais…)