Eleições 2018: Bolsonaro tem 59% e Haddad 41% em pesquisa Ibope nos votos válidos

Foto: Reprodução

O Ibope divulgou nesta segunda-feira (15) o resultado da primeira pesquisa do instituto sobre o segundo turno da eleição presidencial. O levantamento foi realizado no sábado (13) e domingo (14) e tem margem de erro de 2 pontos, para mais ou para menos. Nos votos válidos, os resultados foram os seguintes:

Jair Bolsonaro (PSL): 59%
Fernando Haddad (PT): 41%

Pesquisa: Bolsonaro tem 54% dos votos válidos; Haddad, 46%

Foto: Reprodução

Na primeira pesquisa eleitoral do segundo turno, o presidenciável Jair Bolsonaro (PSL) lidera a corrida pelo Palácio do Planalto com 54% das intenções de votos válidos. O petista Fernando Haddad tem 46%. O levantamento foi feito pela consultoria de pesquisa Ideia Big Data em parceria com VEJA. A pesquisa ouviu presencialmente 2.036 eleitores das cinco regiões do país entre a última segunda e esta quarta-feira. A margem de erro é de 2,67% pontos percentuais para mais ou para menos. O número de registro no TSE é BR-09687/2018. Bolsonaro chegou ao segundo turno com a preferência de 46,03% do eleitorado (ou 49,2 milhões de votos). Haddad teve 29,28% dos votos válidos (31,3 milhões de votos). Ao considerar as respostas totais dos entrevistados, Bolsonaro tem 48% das intenções dos eleitores, enquanto Haddad, 41%. Votos brancos e nulos somam 7%, enquanto indecisos ou que não responderam atingiram 4%. “Esse segundo turno é pautado por duas candidaturas extremamente opostas. Será muito dificil conseguir votos dos adversários. Portanto, a busca será pelos poucos indecisos e a conversao do branco/nulo. O que torna mais difícil o caminho do candidato do PT”, avalia Mauricio Moura, sócio da Ideia Big Data.

Claudio Bastos agradece os quase 37.000 votos obtidos na Bahia

Na noite desta segunda-feira (08), Claudio Bastos divulgou uma mensagem de agradecimento aos milhares de eleitores que votaram no 65123 para deputado estadual. “Amigos eleitores, companheiros de luta, apoiadores da nossa campanha… Muito obrigado! Fiquei emocionado com a quantidade expressiva de votos que recebi, e honrado com toda a confiança que vocês depositaram em mim. Não vou entrar para a Assembleia Legislativa, mas tenho a certeza de que entrei em seus corações. Por isso, essa caminhada não chega ao fim. Continuaremos juntos defendendo nossas causas e fazendo nossa voz ser ouvida. Porque a força que vem do campo não morre, ela continua lutando!” – Diz a mensagem de Claudio.

Magoado com Lula, Ciro deve anunciar apoio crítico a Haddad no 2º turno

Foto: Reprodução

Magoado com o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT), o candidato do PDT à sucessão presidencial, Ciro Gomes, deve anunciar um “apoio crítico” na próxima quarta-feira (10) ao seu adversário do PT, Fernando Haddad. Em reunião da executiva nacional da sigla, que será realizada em Brasília, o partido pretende fechar um apoio protocolar, definindo que o partido não ocupará cargos em um eventual governo, não participará da coordenação da campanha e fará oposição independentemente de quem seja eleito.

A legenda irá também liberar seus filiados, não aplicando punições para quem prefira se manter neutro na disputa presidencial. A única retaliação que será adotada, com a expulsão da sigla, é sobre quem anunciar adesão à candidatura de Jair Bolsonaro (PSL). (mais…)

Alexandre Frota, Tiririca e namorado de Fátima Bernardes estão entre famosos eleitos

Foto: Reprodução

As eleições 2018 reuniu uma lista de famosos derrotados nas urnas, inclusive os baianos Acelino Popó Freitas e a ex-vereadora Léo Kret, que tentavam uma vaga na Câmara dos Deputados. No entanto, alguns conseguiram se eleger em diferentes estados brasileiros para cargos como de deputado federal e estadual, e senador.

Alexandre Frota (PSL)
O ator Alexandre Frota (PSL) elegeu-se deputado federal em São Paulo com mais de 155 mil votos.

Bebeto (PODE)
O ex-jogador Bebeto se reelegeu deputado estadual pelo Rio de Janeiro, com 25.917 votos. Ele ficou em 54º lugar. Ao todo, 70 deputados compõem a Assembleia Legislativa do estado.

Danrlei (PSD)
O ex-goleiro foi eleito para o terceiro mandato como deputado federal pelo Rio Grande do Sul, com 102.662 votos. Ele foi o 13º mais votado. Havia 31 cadeiras em disputa.

Igor Kannário (PHS)
A coligação encabeçada pelo PSL na Bahia elegeu o cantor de pagode e vereador em Salvador Igor Kannário (PHS) como deputado federal. Kannário é defensor da legalização da maconha e tem um histórico de atritos com a Polícia Militar da Bahia. (mais…)

Bolsonaro e Haddad disputam segundo turno das eleições 2018

Foto: Reprodução

Após o encerramento da votação no Acre, o Tribunal Superior Eleitoral (TSE) começou a divulgar as parciais para as eleições para a Presidência da República, que já apontam matematicamente um enfrentamento entre Jair Bolsonaro (PSL) e Fernando Haddad (PT) no segundo turno das eleições 2018. O candidato do PSL aparece com 47,35%, enquanto o petista é opção para 27,55%. Até o momento, foram apuradas 87,91% das urnas brasileiras.

Nova pesquisa Ibope: Bolsonaro tem 36% e Haddad 22%; votos válidos Bolsonaro 41% e Haddad 25%

Foto: Reprodução

O Ibope divulgou neste sábado (6) o resultado da mais recente pesquisa de intenção de voto na eleição presidencial. Segundo o instituto, desde a pesquisa divulgada no dia 3, e realizada nos dias 1 e 2 de outubro, o primeiro colocado, Jair Bolsonaro, cresceu quatro pontos, enquanto Fernando Haddad, em segundo lugar, oscilou um ponto para baixo.

A probabilidade de os resultados retratarem a realidade é de 95%, considerando a margem de erro, de dois pontos para mais ou para menos. A pesquisa ouviu 3.010 eleitores na sexta-feira (5) e no sábado (6).

Votos válidos

Jair Bolsonaro (PSL): 41%
Fernando Haddad (PT): 25%
Ciro Gomes (PDT): 13%
Geraldo Alckmin (PSDB): 8%
João Amoêdo (NOVO): 3%
Marina Silva (REDE): 3%
Alvaro Dias (PODE): 2%
Cabo Daciolo (PATRI): 2%
Henrique Meirelles (MDB): 2%
Guilherme Boulos (PSOL): 1%
Eymael (DC): 0%
Vera (PSTU): 0%
João Goulart Filho (PPL): 0%
Para calcular os votos válidos, são excluídos da amostra os votos brancos, os nulos e os eleitores que se declaram indecisos. O procedimento é o mesmo utilizado pela Justiça Eleitoral para divulgar o resultado oficial da eleição. Para vencer no primeiro turno, um candidato precisa de 50% dos votos válidos mais um voto.

Votos totais

Nos votos totais, os resultados foram os seguintes:

Jair Bolsonaro (PSL): 36%
Fernando Haddad (PT): 22%
Ciro Gomes (PDT): 11%
Geraldo Alckmin (PSDB): 7%
Marina Silva (REDE): 3%
Cabo Daciolo (PATRI): 2%
Henrique Meirelles – MDB 2%
João Amoêdo – NOVO 2%
Alvaro Dias – PODE 1%
Guilherme Boulos – PSOL 1%
Eymael – DC 0%
Vera – PSTU 0%
João Goulart Filho – PPL 0%
Branco/ Nulo 7%
Não sabe/ Não respondeu 5%
Acima, nos votos totais, são considerados os votos brancos e nulos e o percentual dos eleitores que se declaram indecisos.

Rejeição
O instituto também perguntou: “Dentre estes candidatos a Presidente da República, em qual o (a) sr. (a) não votaria de jeito nenhum? Mais algum? Algum outro?”.

Neste levantamento, portanto, os entrevistados podem citar mais de um candidato. Por isso, os resultados somam mais de 100%.

Os resultados foram:

Jair Bolsonaro (PSL): 43%
Fernando Haddad (PT): 36%
Marina Silva (REDE): 22%
Geraldo Alckmin (PSDB): 16%
Ciro Gomes (PDT): 15%
Henrique Meirelles (MDB): 10%
Alvaro Dias (PODE): 9%
Cabo Daciolo (PATRI) 9%
Guilherme Boulos (PSOL): 9%
Eymael (DC): 8%
João Amoêdo (NOVO): 8%
Vera (PSTU): 7%
João Goulart Filho (PPL): 6%
Poderia votar em todos (resposta espontânea): 2%
Não sabem ou preferem não opinar: 7%

Eleições 2018: Rui Costa tem 61% e Zé Ronaldo, 10%

Foto: Divulgação

Pesquisa Ibope divulgada nesta quarta-feira (26) aponta os seguintes percentuais de intenção de voto para o governo da Bahia:

  • Rui Costa (PT): 61%
  • José Ronaldo (DEM): 10%
  • João Henrique (PRTB): 2%
  • Marcos Mendes (PSOL): 1%
  • Célia Sacramento (Rede): 1%
  • João Santana (MDB): 1%
  • Orlando Andrade (PCO): 0%
  • Brancos/nulos: 13%
  • Não sabe: 11%

A pesquisa foi encomendada pela TV Bahia. É o terceiro levantamento do Ibope realizado depois da oficialização das candidaturas na Justiça Eleitoral. No levantamento anterior, feito de 15 a 17 de setembro, os percentuais de intenção de votos eram os seguintes: Rui Costa: 60%; José Ronaldo: 7%; João Henrique: 2%; Marcos Mendes: 1%; Célia Sacramento: 1%; João Santana: 1%; Orlando Andrade: 1%; Brancos/Nulos: 17%; Não sabe: 10%. Leia a reportagem do G1

Eleições 2018: Lula anuncia Haddad como candidato à Presidência e pede votos para substituto

Foto: Divulgação

O ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva escreveu uma carta para anunciar, nesta terça-feira (11), em Curitiba, que o ex-prefeito de São Paulo, Fernando Haddad (PT), será seu candidato à Presidência da República. De acordo com o jornal Folha de S. Paulo, na carta, que será lida nesta tarde, Lula pedirá votos para Haddad e dirá que ele, atual vice na chapa do PT, está pronto para retomar seu projeto para o país. Barrado pelo Tribunal Superior Eleitoral (TSE), o ex-presidente vai renunciar à candidatura no prazo limite estipulado pela Justiça eleitoral. No texto, o petista repetirá o discurso que sofre injustiças e foi impedido de disputar a eleição de outubro. A mensagem deverá ser lida por um dirigente do PT antes do pronunciamento oficial de Haddad, marcado para as 15h, em frente à sede da Polícia Federal em Curitiba. Além da carta para apresentar Haddad, o petista escreveu uma mensagem à cúpula do PT, na qual pede a chancela da sigla para o nome de Haddad.

Eleições 2018: Apesar de insistência em Lula, PT começa a sinalizar mudança na chapa em propaganda

Foto: Reprodção

Apesar do indeferimento do registro de candidatura do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva pelo TSE na madrugada do último sábado (1º), o programa eleitoral do PT nesta terça-feira (4) no rádio continuou em defesa da candidatura de Lula, mas começou a sinalizar a substituição do ex-presidente por Fernando Haddad, atual vice-presidente na chapa. “Haddad é Lula”, diz o comercial. Assim como no primeiro dia de campanha no rádio e da TV, no sábado (1º), nesta terça a decisão do Comitê dos Direitos Humanos da ONU que defende o direito de Lula de ser candidato abriu a propaganda. Em seguida, o trecho do jingle da campanha do PT, que antes dizia “chama que o homem dá jeito”, foi alterado para “chama que o 13 dá jeito” e “Lula é Haddad, é o povo”. A peça é encerrada com a fala de um rapaz, que diz que Haddad representa o sonho de milhares de jovens.

Eleições 2018: Haddad é denunciado por corrupção, quadrilha e lavagem de dinheiro

Foto: Reprodução

O ex-prefeito de São Paulo Fernando Haddad (PT) foi acusado nesta segunda-feira (3) pelo Ministério Público de São Paulo de ter cometido os crimes de corrupção, lavagem de dinheiro e formação de quadrilha. A denúncia aponta que ele teria recebido, de maneira indevida, R$ 2,6 milhões da UTC Engenharia.  De acordo com o portal UOL, a peça foi apresnetada pelo promotor Marcelo Batlouni Mendroni, do Grupo de Atuação Especial de Repressão à Formação de Cartel e à Lavagem de Dinheiro e de Recuperação de Ativos.

Luto na Bahia: Morre o ex-governador Waldir Pires

Foto: Reprodução

Morreu na manhã da última sexta-feira, 22, aos 91 anos, o ex-governador da Bahia e ex-vereador de Salvador, Waldir Pires. O político estava internado no Hospital da Bahia, em Salvador, desde a noite desta quinta, 21, quando deu entrada com um quadro de pneumonia. Segundo informações do hospital, Waldir Pires teve uma parada cardio respiratória por volta de 10h e não resistiu. Ainda não há informações sobre velório e sepultamento do político. Eleito contra Josafá Marinho, apoiado pelo então governador Antonio Carlos Magalhães, na década de 1980, Waldir não completou o mandato e renunciou ao cargo de governador para ser vice na chapa de Ulisses Guimarães, derrotada nas eleições de 1989. O último cargo público dele foi de vereador de Salvador, entre 2012 e 2016, quando se retirou da vida política. Além de governador e vereador, Waldir teve passagens como deputado e ministro. Waldir é natural de Cajueiro, agora chamada de Acajutiba. Ele foi govenrador entre 15 de março de 1987 e 14 de maio de 1989. Foi deputado federal em dois mandatos, de 1º de janeiro de 1990 até 1º de janeiro de 1994, além de de 1º de janeiro de 1999 até 1º de janeiro de 2003.

Eleições 2018: Em pesquisa, Rui lidera em todos os cenários e venceria eleições no 1º turno

Fonte: Bahia Notícias

Foto: Bahia Noticias

Diante de uma situação amplamente favorável à reeleição, o governador Rui Costa (PT) lidera todos os cenários para a disputa na Bahia em 2018. O petista, que deixou de enfrentar o prefeito de Salvador, ACM Neto (DEM), considerado o mais competitivo da oposição, caminha para uma reeleição tranquila, ainda que haja o somatório das forças adversárias que, até a realização do levantamento P&A/ Bahia Notícias, estavam em separado.

Mesmo na pesquisa espontânea, quando não são citados os nomes dos postulantes ao cargo, Rui possui uma margem expressiva de vantagem com relação a outros políticos. A pesquisa foi realizada entre os dias 24 e 30 de abril, portanto, após o indicativo de que ACM Neto não seria mais candidato ao governo. No entanto, como os cenários de candidatura ainda não estão completamente definidos, foram testados diversos nomes, entre eles o de José Ronaldo (DEM) e João Gualberto (PSDB), que confirmaram a união na última sexta-feira (25), e a senadora Lídice da Mata (PSB), candidata à reeleição na Câmara Alta. (mais…)